RS: colheita da soja avança, mas alguns estão colhendo 30 sacas por hectare


28/02/2020
RS: colheita da soja avança, mas alguns estão colhendo 30 sacas por hectare

As primeiras lavouras começam a ser colhidas. As fases são as seguintes: 4% na fase de desenvolvimento vegetativo, 19% em floração, 59% na fase de enchimento de grãos, 16% maduro, e 2% das lavouras foram colhidas.

Ijuí

Por lá, 10% das lavouras estão em floração, 76% em enchimento de grãos, 13% na fase de maturação e 1% colhido. Segundo a entidade, com a baixa umidade no solo, a cultura apresentou aumento de sintomas de déficit hídrico, principalmente nos municípios onde a precipitação vem sendo abaixo do ideal.

“A cultura evoluiu rapidamente para o estádio de formação de grãos, com redução do número de vagens. Lavouras com cultivares precoces apresentam perdas elevadas, sem possibilidade de recuperação”, afirma.

Santa Rosa

Na região, 6% das lavouras implantadas estão na fase de desenvolvimento vegetativo, 23% em floração, 65% em enchimento de grãos, 5% das áreas em maturação e 1% foi colhido.

Participe do Fórum Soja Brasil na Expodireto Cortijal

Segundo a Emater, as lavouras semeadas no início da época recomendada pelo zoneamento estão finalizando o enchimento de grãos e iniciando a maturação, e algumas com semeadura bem antecipada foram colhidas com produtividade boa, sem reflexo de perdas.

“O período sem chuvas variou de 15 a 18 dias em determinadas localidades no início de fevereiro, ocasionando inclusive perda de folhas baixeiras e queda de flores e vagens, provocando maiores perdas nessas lavouras. Mas em localidades com chuvas regulares durante o início de fevereiro, as lavouras de soja apresentam bom potencial de produtividade, mesmo com redução da produtividade esperada.”

Santa Maria

A maior parte da cultura segue na fase reprodutiva, quando a planta é mais exigente em termos de umidade e nutrientes. Com as precipitações ocorridas na semana em alguns municípios, a umidade no solo ameniza os efeitos da estiagem.

Bagé

A cultura é plantada mais cedo na Fronteira Oeste, onde 4% das áreas já estão maduras, 86% estão em estádio reprodutivo (floração e enchimento de grãos) e 10% em desenvolvimento vegetativo. Na região da Campanha, estima-se que 30% das lavouras estão em desenvolvimento vegetativo e 70% em floração e enchimento de grãos.

“Apesar de esparsa e de pouco volume, a ocorrência de precipitações no final da semana na maior parte dos municípios da região trouxe alívio para os agricultores, pois a estiagem já estava causando perdas na parte Sul”, afirma a entidade.

Passo Fundo

Por lá, 90% das lavouras estão na fase de enchimento de grãos, 8% estão maduras e por colher e 2% das lavouras foram colhidas.

“Apesar das chuvas no feriado de carnaval, em bom nível e de forma generalizada, muitas lavouras não devem reverter o quadro de redução no rendimento.”

Soledade

Por lá, 1% da cultura encontra-se na fase de desenvolvimento vegetativo, 35% na floração, 63% na fase de enchimento de grãos e 1% em maturação. Segundo a Emater, a ocorrência de chuvas na semana, em grande parte da região, embora irregulares e fracas, amenizou o estresse hídrico da cultura por poucos dias.

personagem banner

“Com o retorno do tempo seco, associado a ventos ocasionais, os sintomas de deficiência hídrica reaparecem, sobretudo em áreas mais pedregosas. Por conta disso, as perdas começam a aumentar, e muitos agricultores solicitam o Proagro.”

Frederico Westphalen

Por lá, 9% na fase de desenvolvimento vegetativo, 28% na floração, 49% na fase de enchimento de grãos, 11% em maturação e 3% das lavouras colhidas.

Erechim

Por lá, 70% da cultura encontra-se em enchimento de grãos, 25% em maturação e 5% delas já foram colhidas. O aspecto geral é muito bom. Porém, nas primeiras lavouras colhidas, a produtividade ficou abaixo do esperado, afirma a entidade.

“Nas variedades precoces houve redução no número de vagens, no de grãos por vagem e no peso dos grãos. As perdas nessas lavouras são significativas em relação à expectativa inicial, mas tais áreas representam menos de 10% da área total cultivada na região. Para as cultivares de ciclo normal e nas tardias, a produtividade poderá ficar comprometida, caso não ocorram precipitações adequadas nos próximos dias.

Caxias do Sul

A chuva em fevereiro foi muito abaixo da média nos principais municípios produtores de soja da Serra e dos Campos de Cima da Serra, afirma a Emater. Até o dia 23 foram registrados apenas 23,4 mm em Vacaria, 4,6 mm em Pinhal da Serra e 6,2 mm em Serafina Correa.

“A grande maioria das lavouras encontra-se em enchimento de grãos. Iniciou a colheita das lavouras mais precoces, que vêm apresentando rendimento muito abaixo do esperado, com média de 1.800 quilos por hectare em Muitos Capões”, diz a Emater.


Outras Notí­cias